sexta-feira, 27 de julho de 2012

Tópico 7. Turismo Tópico 8. Cultura e natureza Tópico 9. Sociodiversidade Complementar: VIII. Paisagem cultural

PATRIMÔNIO CULTURAL REVITALIZAÇÃO E UTILIZAÇÃO PARA O TURISMO
Vivemos em uma sociedade de avanços tecnológicos, de facilidade de comunicação, de deslocamento de pessoas, de integração econômica, política e cultural – a globalização.  Estamos redescobrindo o local em contraposição ao global, as manifestações culturais e as tradições. Estamos reaprendendo a olhar para o patrimônio como um bem que representa a identidade e que exterioriza o valor de uma cultura e de uma  história, por isso a preocupação como o patrimônio e bens culturais e naturais que simbolizam a diferença e a diversidade. A revitalização do patrimônio significa a preservação das  manifestações culturais, da identidade. O patrimônio pode ser definido como bem cultural tangível ou intangível, que desperta o sentimento de valor e identidade e que expressa a própria cultura. O homem, ao construir um monumento está manifestando sua cultura através do estilo arquitetônico da obra. São patrimônios também as festas e danças, pois são bens intangíveis, resultados da expressão cultural. O crescimento desordenado das cidades, a especulação imobiliária, as mudanças dos comportamentos, os novos valores e estilos de vida podem gerar  impactos irreversíveis nos patrimônios, pois são fatores resultantes da vida capitalista da sociedade globalizada. A revitalização é o movimento contrário, é a preservação, conservação e restauração do patrimônio e a preocupação com espaços e manifestações que permitem  o conhecimento e a interação com valores, histórias, símbolos e manifestações. O homem do século XXI busca o conforto da tecnologia e reconhece, cada vez mais, a necessidade de manutenção do patrimônio como elemento de identidade, de herança cultural, de referência sobre um passado que precisa estar vivo.
PATRIMÔNIO E CIDADES- As cidades precisam oferecer espaços de convivência, de lazer e de cultura. Os cidadãos identificam-se com lugares, na medida em que reconhecem sua importância, que assumem a condição de espaços de uso coletivo e que representem a identidade local ou global. As transgressões dos espaços públicos, o mau trato dos lugares, o lixo nas ruas, a insegurança urbana, o aumento da violência e o desprezo do poder público e privado ao patrimônio, afastam as pessoas das praças, parque e lugares públicos. Vivemos um momento em que, por um lado existe a preocupação com a violência  que isola o homem nos apartamentos, condomínios,  shoppings ou nos muros altos das casas, mas por outro lado, existe a busca pelo conhecimento cultural, o sentimento de que é necessário reviver tradições e interagir com outras culturas.
Para que haja revitalização do patrimônio é essencial o planejamento urbano, onde se planeje as formas de uso dos monumentos históricos e a apoio às manifestações culturais. Sendo importante a participação da comunidade. As pessoas, residentes do lugar, devem participar, pois o conhecem e precisam ser motivadas a fortalecerem o sentimento de identidade.
A cidade desvitalizada representa o descaso com o patrimônio, o seu uso indevido. A paisagem urbana descaracterizada faz com que a sociedade se distancie do uso do bem cultural.  A revitalização do patrimônio, na medida em que reabilita o espaço urbano, fortalece manifestações culturais e o reconhecimento dos cidadãos em relação aos bens culturais e gera renda para a comunidade e para o município.
PATRIMÔNIO AMBIENTAL E CULTURAL- O Brasil é rico em patrimônio ambiental e cultural, a exemplo do Vale do Paraíba, que  é uma região viável para a consolidação de políticas e investimentos na preservação do patrimônio e na manutenção da identidade cultural.  Algumas cidades ainda mantêm as tradições da cultura e a exuberância do meio ambiente. O Vale do Paraíba paulista é cercado pelas Serra da Mantiqueira e Serra do Mar e liga os Estados de São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro. Nessa região,  encontram-se trilhas, cachoeiras, picos, parques estaduais, áreas de proteção ambiental e o “mar de morros”, o que indica a diversidade   do patrimônio natural. Os lugares onde a industrialização e modernização não se consolidaram, apresentam espaços propícios para o desenvolvimento do turismo de aventura ou rural. Instituições como o SEBRAE e ONGs têm contribuído com o desenvolvimento da ocupação ordenada da área rural, através de empreendimentos turísticos. O envolvimento da comunidade rural com o turismo permitiu o aumento do fluxo de visitantes e a consciência de que o meio ambiente precisa ser respeitado.  A atividade turística no meio rural “ é um meio de gerar renda para a comunidade, de forma harmônica, valorizando sua propriedade e o seu estilo de vida”. Representa a oportunidade do homem urbano  “resgatar suas origens culturais, o contato com a natureza e a valorização da cultura local”.  Obviamente, esse tipo de atividade pode trazer impactos negativos para o patrimônio ambiental e para a cultura do homem do campo. A mudança de hábitos, a degradação do local, a descaracterização da cultura e o excesso de lixo, são fatores que inviabilizam o desenvolvimento sustentável. Instituições como o IBAMA, SOS Mata Atlântica e ONGs são fundamentais para a preservação ambiental e devem exercer papel de orientação. A cultura e a história regional são marcadas pelas “Fazendas do Café” e palas Festas profanas e sagradas, em que os barões, escravos, comerciantes, padres, tropeiros, viajantes, homens pobres e livres, entre outros, foram agentes da história e representam  diversidade da identidade cultural.  Como herança cultural ficaram  as festas, danças e a  culinária.  As fazendas do café, símbolos do poder e da economia do século XIX, representam na atualidade, uma oportunidade para seus proprietários, pois podem transformá-las em locais turísticos.
São patrimônios que se revitalizam para abrigar hotéis ou locais para visitação, essa transformação representa  uma alternativa evitar  “falência do local”
PATRIMÔNIO E IDENTIDADE- A preservação do patrimônio tem o papel de realizar “a continuidade cultural”, ser o elo entre o passado e o presente e nos permite conhecer a tradição e a cultura. Pertencer a uma identidade cultural significa descobrir-se, ser diferente dos comportamentos globais. Por isso, patrimônios culturais intangíveis como as formas de manifestações lingüísticas, de relacionamento, de trabalho, a tipicidade da culinária, o cultivo e o preparo do vinho, as danças tornaram-se patrimônios da cultura e demonstram a riqueza da relação entre identidade e diversidade da cultura brasileira. Por isso a  preocupação com o uso do patrimônio, com a descaracterização de casarões, fazendas e outras construções de caráter histórico e com a banalização de rituais, danças e comportamentos, por sua exposição e uso indevido. Podemos citar como  exemplo a apropriação pelos agentes de turismo dos bens culturais, que podem se tornar espetáculos, shows e renderem-se ao apelo capitalista, deixando de serem elementos de uma tradição, de uma cultura ou monumentos que representam determinado momento histórico, para se tornarem exclusivamente atrativos turísticos, perdendo a referência com a comunidade e com história.
No ser diferente é que reside a geração de renda, emprego e visualização de que a tradição cultural deve ser encarada como identidade da comunidade. A cultura globalizada e o consumismo geram impactos ambientais e culturais. Por isso, a revitalização e os estudos sobre as formas de uso e interação com o patrimônio devem ter profissionais capazes de apontarem alternativas para a recuperação da memória, fortalecimento da cidadania e  valorização do patrimônio.  
 PATRIMÔNIO E COMUNIDADE - A revitalização tem que ser benéfico para a sociedade, ao transformar o lugar em um espaço agradável para os cidadãos e para os turistas. Deve, ainda, respeitar as características culturais da população e da arquitetura das construções, não podendo distorcer o seu significado artístico. O patrimônio, quando exerce sua função correta garante o respeito à cultura, aos estilos artísticos, á história e a comunidade, além do desenvolvimento e a inserção social. Isso é essencial para que os impactos não degradem o lugar e os confrontos entre comunidade e turistas não se estabeleçam; além disso, o lugar deve gerar empregos para a comunidade, oportunidade de comercialização do artesanato e de prestação de serviços. Paralelamente, as escolas necessitam fortalecer os estudos sobre a história e cultura local.
PATRIMÔNIO E FORMAS DE USO - A partir do momento em que o turismo passou a ser um negócio e gerar emprego e grande lucro, foi descoberto o valor do patrimônio. Consequentemente, empresários e sociedade organizada se beneficiaram com o aumento da riqueza interna. Os patrimônios precisam de uma estrutura para receber os turistas, como sinalização adequada, folhetos, guias, infra-estrutura de transportes e comunicações; hotéis e restaurantes; proximidade de porto ou aeroporto; qualidade ambiental; capacitação profissional; divulgação dos atrativos turísticos; estratégia política de investimentos privados; ações de planejamento físico-territorial, incluindo a avaliação e prevenção dos impactos reais e potenciais no meio ambiente, e uma série de serviços  para a visitação do bem cultural.  É necessário ampliar o senso de cidadania e viabilizar o seu uso de forma adequada para que possa ser um fator de conhecimento, formação, interação e geração de renda e emprego.   

Tópico 7. Turismo, Tópico 8. Cultura e natureza,  
Tópico 9.Sociodiversidade, Complementar: VIII. Paisagem cultural
ATIVIDADES  SOBRE O TEXTO:
5








P










25








A










31








T










26








R










3








I










32








M










33








Ô










14








N










22








I










11








O










27



















6








C










35








U










2








L










8








T










7








U










 30








R










34








A










20








L










36



















4








R










16








E










13








V










37








I










39








T










41








A










24








L










38








I










1








Z










19








A










29








Ç










40



















12








E










28



















10








T










23








U










9








R










17








I










18








S










15








M










21








O










42



















43



















44



















 1- Um lugar onde existem avanços tecnológicos, facilidade de comunicação, deslocamento de pessoas e integração econômica, política e cultural, existe____________. 
2- ______________faz contraposição ao global.
3- Os Patrimônios culturais podem representar a _______________e a história de um lugar.
4- Cada lugar tem seus patrimônios culturais, por isso, eles simbolizam a diferença e a __________dos lugares e da cultura.
5- Revitalização do patrimônio significa a ______________das  manifestações culturais, da identidade.
6- O patrimônio é um bem ______________tangível ou intangível, que desperta o sentimento de valor e identidade e que expressa a cultura.
7-  O homem, ao construir um monumento está manifestando sua _______________através do estilo arquitetônico da obra.
8-  São patrimônios as ___________,as danças, pois são bens intangíveis, resultados da expressão cultural.
9- O crescimento_______das cidades, a especulação imobiliária, a mudanças de comportamentos, os novos valores e estilos de vida geram  impactos  nos patrimônios.
10- A ________é a preservação do patrimônio e a preocupação com espaços bem organizados permitem  o conhecimento e a interação de valores e  história.
11- O homem de hoje busca o conforto da ____________aliado a manutenção do patrimônio como elemento de identidade, de herança cultural e histórica.
12-  As cidades precisam oferecer espaços de convivência, de______ e de cultura.
13- Os cidadãos identificam-se com lugares, quando reconhecem a importância de seu uso __________________ e que representem a identidade local ou global.  
14- O mau trato dos lugares, o lixo nas ruas, a _______      ___________, o aumento da violência e o desprezo do poder público ao patrimônio, afastam as pessoas lugares.
15- Hoje as pessoas buscam se isolar em suas casas por causa da violência, mas também buscam   o ____________cultural e buscam interagir com outras culturas.
16- Para que haja revitalização do patrimônio é essencial o ________, onde se planeje as formas de uso dos monumentos históricos e a apoio às manifestações culturais.
17- Para a revitalização do Patrimônio a participação da comunidade é importante porque elas conhecem o lugar e assim fortalecem o sentimento de ______________.
18- A cidade __________ representa o descaso com o patrimônio, o seu uso indevido. E essa paisagem descaracterizada faz  as pessoas se e distanciarem do bem cultural. 
19- A revitalização do patrimônio _____________ o espaço urbano, fortalece manifestações culturais e gera renda para a comunidade e para o município.
20- O Brasil é rico em patrimônio ________e ____, porém precisa de investimentos na  preservação do patrimônio para manutenção da identidade cultural. 
21- O __________________ paulista é cercado pelas Serra da Mantiqueira e Serra do Mar e liga os Estados de São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro.
22- No Vale do Paraíba existem trilhas, cachoeiras, picos, parques estaduais, áreas de proteção e o “mar de morros”, mostrando a diversidade do____________.
 23- Os lugares onde a industrialização e modernização não se consolidaram, são propícios para o desenvolvimento do_____________de aventura ou rural.
24- Instituições como o SEBRAE e ONGs têm contribuído com o desenvolvimento da ocupação ordenada da área ________, através de empreendimentos turísticos.
25- O envolvimento da _______________ com o turismo permitiu o aumento do fluxo de visitantes e a consciência de que o meio ambiente precisa ser respeitado. 
26-  A atividade turística rural  é um meio de gerar _______ para a comunidade, de forma harmônica, valorizando sua propriedade e o seu estilo de vida”.
27- O turismo rural representa a oportunidade do homem urbano  “resgatar suas ______________, o contato com a natureza e a valorização da cultura local”. 
28- O turismo rural pode trazer ____________  _________para o patrimônio ambiental e cultural, como mudança de hábitos, a degradação, a descaracterização da cultura.
29- Instituições como o IBAMA, SOS Mata Atlântica e ONGs trabalham na orientação para o uso correto do local, agindo na ____________ambiental.
30- Nossa cultura e história são marcadas pelas “Fazendas do Café” , Festas profanas e sagradas,onde barões,escravos,imigrantes,etc,representam a _da identidade cultural 
31- As fazendas do café foram símbolos do poder  no sec XIX,  hoje esses patrimônios são  revitalizados, sendo transformadas em locais___________ para evitar a falência .
32-  A preservação do ___________ tem o papel de realizar “a continuidade cultural”, ser o elo entre o passado e o presente e nos permite conhecer a tradição e a cultura.
33- Pertencer a uma identidade cultural significa descobrir-se, ser diferente dos comportamentos __________.
34- Os patrimônios culturais _____________ como a língua,  trabalhos, culinária, danças  são patrimônios culturais e demonstram a identidade e diversidade cultural.
35- Existe uma preocupação com o ______do patrimônio, com a descaracterização de casarões, fazendas etc. e com a banalização de rituais, danças, festas, com sua exposição e uso indevido, para que não se perca a nossa referência histórica.  
36- Existe a preocupação de que os patrimônios se tornem espetáculos, e monumentos que representam um momento histórico se tornem exclusivamente _____________, perdendo a referência  com a história deixando de serem elementos de uma tradição, de uma cultura
37- É na ________ cultural é que reside a geração de renda, emprego e visualização de que a tradição cultural deve ser encarada como identidade da comunidade.
38- A cultura globalizada e o ___________ geram impactos ambientais e culturais. Por isso, a revitalização e as formas de uso e interação com o patrimônio  precisam de profissionais  que conservem a  memória, fortalecendo a cidadania e  valorização do patrimônio.  
39-   A revitalização tem que transformar o lugar em um espaço agradável para os cidadãos e para os turistas, tem que respeitar as ___________culturais da população e da arquitetura das construções, não podendo distorcer o seu significado artístico.
40- O _____________, na sua função correta garante o respeito à cultura, aos estilos artísticos, á história e a comunidade e promove desenvolvimento com inserção social.
41- O patrimônio usado pelo turismo deve gerar empregos para a comunidade, oportunidade de comercialização do _____________e de prestação de serviços.
42-  Quando o turismo passou a ser um negócio e gerar emprego e lucro, foi descoberto o valor do patrimônio,  os empresários se beneficiaram com o aumento da ________ interna.
43- Os patrimônios precisam de uma ____________para receber os turistas, como sinalização, folhetos, guias, transportes, comunicações; hotéis;  divulgação dos atrativos;  prevenção dos impactos ambientais, e outros serviços  para a visitação do bem cultural.
44-  É necessário ampliar o senso de cidadania e viabilizar o uso da patrimônio  para que seja um fator de __________, formação, interação e geração de renda e emprego.   

TÓPICO7- TURISMO- Hab:7.2.Distinguir parâmetros de turismo sustentável e insustentável, explicando os impactos em nível sociocultural, socioambiental e socioeconômico.
TURISMO SUSTENTÁVEL E INSUSTENTÁVEL
Especulação imobiliária, turismo sexual, exploração da mão de obra nativa e degradação dos ecossistemas de trilhas e roteiros eco-turísticos caminham na contramão do turismo sustentável.  A harmonia, o equilíbrio e a sustentabilidade na preservação das belezas e potencial natural destes roteiros dependentes de políticas de Governo, apoio dos empresários e conscientização da população.
A necessidade de uma gestão compartilhada entre Estado, comunidades e empresas é pauta constante de ambientalistas que acompanham a degradação dessas riquezas brasileiras. A revolução tecnológica do mundo globalizado aumentou o fluxo de pessoas pela Terra. Conforme dados da Organização Mundial do Turismo (OMT). Para especialistas da área, o país poderia aumentar essas receitas se os roteiros fossem mais atrativos e adequados ao desenho do cenário sustentável. Para ser classificado como sustentável o destino turístico deve atender a requisitos de práticas políticas e ações que levem em conta, a comunidade local, observando preservação de ecossistemas, tradições e resgate das raízes culturais, da identidade cultural do lugar, oportunidade de geração de emprego e renda realmente inclusiva, e não maquiada com sub-empregos ou empregos temporários, que só exploram, a mão de obra local e alimentam demandas estimuladas por pacotes e campanhas publicitárias que seduzem e encantam, sem o compromisso de garantir estruturas para o bem estar de quem chega e de quem recebe.
Embora o Brasil esteja no topo dos países mais biodiversos do mundo, estima-se que apenas 10% dos destinos turísticos brasileiros estão próximos de atender a todos os requisitos para serem considerados sustentáveis. Segundo informações do Conselho Nacional de Turismo, a Serra Gaúcha no Rio Grande do Sul, e Bonito no Mato Grosso do Sul, são os modelos mais próximos de práticas turísticas sustentáveis.  Um turismo verdadeiramente sustentável usa tecnologias limpas e alternativas, preserva os ecossistemas e sua gestão é compartilhada entre Estado, Empresas e Comunidade local.
1- De acordo com o texto de exemplo de turismo insustentável.
2-  Para que o turismo se torne sustentável é necessário a participação de ______________,___________________e____________.
3- Do que depende a manutenção da harmonia, o equilíbrio e a sustentabilidade na preservação das belezas e potencial natural no turismo?
4- O que fez aumentar o fluxo de pessoas sobre a terra?
5- De acordo com o texto, como o Brasil poderia a receito com o turismo?
6- Quais são as duas definições de turismo sustentável apresentadas no texto?
7- No Brasil, que lugares estão mais próximos de atender ao turismo sustentável?

8- O turismo sustentável e insustentável, causam impactos em nível sociocultural, socioambiental e socioeconômico.  Relacione quanto ao turismo sustentável.
(1) Sociocultural
(2) socioambiental
(3) socioeconômico

(   ) Gera emprego e renda,  desenvolvimento e  inserção social da comunidade local
(   ) Preserva os ecossistemas . Revitaliza, através da preservação, conservação e restauração do patrimônio natural e cultural
(   ) Resgata raízes culturais da identidade cultural. Respeita as características culturais da população e da arquitetura das construções, não distorcendo o seu significado artístico



2 comentários: