sexta-feira, 2 de novembro de 2012

Atividades Hipótese de Gaia

A hipótese Gaia foi elaborada pelo cientista inglês James Lovelock. Essa hipótese foi batizada de Gaia porque, na mitologia grega, Gaia era a deusa da Terra e mãe de todos os seres vivos. Segundo a hipótese, o planeta Terra é um organismo vivo, capaz de obter energia para seu funcionamento, regular seu clima e temperatura, eliminar seus detritos e combater suas próprias doenças e capaz de se autorregular. De acordo com a hipótese, os organismos bióticos controlam os organismos abióticos, de forma que a Terra se mantém em equilíbrio e em condições propícias de sustentar a vida.
A hipótese Gaia sugere também que os seres vivos são capazes de modificar o ambiente em que vivem, tornando-o mais adequado para sua sobrevivência. Dessa forma, a Terra seria um planeta cuja vida controlaria a manutenção da própria vida. Um dos argumentos utilizados pelos defensores dessa hipótese é o fato de que a composição da atmosfera hoje parece depender principalmente dos seres vivos. Sem a presença dos seres fotossintetizantes o teor de gás carbônico (CO2) na atmosfera seria altíssimo, enquanto que nitrogênio (N2) e oxigênio (O2) teriam concentrações muito baixas. Com a presença dos seres fotossintetizantes, a taxa de CO2 diminuiu, aumentando consideravelmente os níveis de N2 e O2 disponível na atmosfera. Essa redução do CO2 favorece o resfriamento do planeta, já que esse gás é o principal responsável pelo efeito estufa, influenciando muito na temperatura do planeta. Segundo esse argumento, a própria vida interferiu na composição da atmosfera, tornando-a mais adequada à sobrevivência dos organismos.
Embora muitos cientistas concordem com essa hipótese, outros não a aceitam, discordando da ideia de que a Terra seja um “superorganismo”. Um dos argumentos utilizados por esses cientistas é que não só os fatores biológicos moldam o planeta, mas também fatores geológicos, como erupções vulcânicas, glaciações, cometas se chocando contra a Terra, que modificaram e ainda modificam profundamente o aspecto do planeta.  Terra é  residência de diversas formas de vida, ela mesma se comporta como um grande ser vivo, com mecanismos que ajudam a preservar os outros seres vivos que abriga. O planeta tem uma capacidade de controlar sua temperatura, atmosfera, salinidade e outras características que mantêm o nosso lar confortável, com condições ideais para a existência da vida.  Por Paula Louredo (Adp)
O NASCIMENTO, A EVOLUÇÃO E AS AMEAÇAS À VIDA DO NOSSO PLANETA DE ACORDO COM A TEORIA DE GAIA
ESTÁGIO 1 - ANTES DE GAIA - PERÍODO - 4,6 bilhões a 3,8 bilhões de anos atrás - ESTADO - Não existe.
Antes de existir vida aqui, nossa atmosfera provavelmente era parecida com a de Marte e de Vênus. Mas, desde que a vida surgiu, essa composição mudou. Para a Teoria de Gaia, isso só é possível porque em algum momento a Terra passou a funcionar como um ser vivo auto-regulador
ESTÁGIO 2 - GAIA NASCE - PERÍODO - 3,8 bilhões a 2,3 bilhões de anos atrás - ESTADO - Em desenvolvimento
Entre os primeiros seres vivos, havia bactérias que consumiam gás carbônico (CO2) e liberavam gases como metano e oxigênio. Com o passar das eras, a respiração mudou a composição da atmosfera, injetando mais O2, aí os seres multicelulares se desenvolveram. Quando a vida começa a influenciar a evolução do ambiente, e vice-versa, é sinal de que Gaia nasceu. A Terra também regula sua temperatura: a concentração de metano no ar, por exemplo, cria um efeito estufa que garante o calor no planeta
ESTÁGIO 3 - GAIA EM FORMA - PERÍODO - 2,3 bilhões a 200 anos atrás - ESTADO - Bom
Uma das evidências de que a Terra é como um ser vivo é sua capacidade de controlar a própria composição e clima por meio de mecanismos de resposta entre suas partes orgânicas (a biosfera) e inorgânicas (ar, rochas e mares). O ciclo de carbono, por exemplo, ajuda a controlar a concentração de CO2 na atmosfera. Como todo ser vivo, a Terra também tem seus mecanismos para manter tudo funcionando. No caso de Gaia, o equilíbrio entre a vida, a atmosfera, os mares e as rochas funciona por meio de ciclos. De tempos em tempos, o equilíbrio se rompe, e ocorrem extinções em massa. Mas as espécies sobreviventes formam um novo equilíbrio e tudo volta aos eixos
A concentração de sal no mar está estável em 3,4% há milhares de anos - outro indício, de acordo com a Teoria de Gaia, de que a Terra se comporta como um sistema vivo. Bactérias que consomem o produto e lagoas de sal compostas de corais se organizam em outro ciclo, para manter o equilíbrio necessário à vida marinha
A temperatura média relativamente constante do planeta indica que a Terra está viva, já que ela manteve sua temperatura apesar de o calor do Sol ter aumentado 25% nos últimos 3 bilhões de anos.
ESTÁGIO 4 GAIA NA UTI - PERÍODO - 200 anos atrás aos dias de hoje - ESTADO - Febril
TUMOR MALIGNO - Em geral, a causa dos desequilíbrios de Gaia é externa, como o impacto de um meteoro. Pela primeira vez na história, o equilíbrio estaria sendo afetado por um órgão de seu próprio corpo: os humanos. Desde a Revolução Industrial, a humanidade tem funcionado como um verdadeiro câncer para Gaia. Vários ciclos importantes para o bom funcionamento do planeta estão "defeituosos" e pioram o aquecimento global acelerado pelo homem
ESTÁGIO 5 - O ENTERRO DE GAIA - PERÍODO - De hoje a daqui 1 bilhão de anos - ESTADO - Morta
O FIM ESTÁ PRÓXIMO - Para os pessimistas, o homem pode encurtar sua vida no planeta em milhares de anos. Mesmo sem nós, Gaia ainda estará ameaçada pelo Sol. Como toda estrela, ele emite mais calor conforme envelhece. Daqui a 1 bilhão de anos, o fortíssimo calor matará Gaia

ATIVIDADES
1- O que é Hipótese de Gaia?
2- Por que essa hipótese recebeu esse nome?
3- Sobre a Teoria de Gaia V ou F.
(   ) Segundo a hipótese de Gaia, o planeta Terra é um organismo vivo, capaz de se autorregular.
(   ) Para a Hipótese de Gaia os organismos bióticos da terra controlam os organismos abióticos e assim a Terra se mantém em equilíbrio para sustentar a vida.
(   ) Para a hipótese Gaia os seres vivos modificam o ambiente tornando-o mais adequado para a vida.
(   ) Para a Hipótese de Gaia a Terra é um planeta cuja vida controla a manutenção da própria vida.
(   ) Sem os seres fotossintetizantes (plantas) a quantidade de gás carbônico (CO2) na atmosfera seria alto e a quantidade de oxigênio (O2) seria baixas.
(   ) A  redução do CO2  causada pela respiração das plantas favorece o resfriamento do planeta, porque o gás carbônico é o principal responsável pelo aumento do efeito estufa.
(   ) Para a teoria de Gaia a Terra se comporta como um grande ser vivo, com mecanismos que ajudam a preservar os outros seres vivos que abriga. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário